Bom dia, Segunda-Feira, 21 de Maio de 2018
CAMPUS CUIABÁ
Estudantes da UFMT invadem blocos em protesto contra mudança em política de alimentação
Alunos são contra o reajuste das alimentações fornecidas no Restaurante Universitário (RU). Em protesto, blocos do campus Cuiabá foram ocupados nesta sexta-feira (27).
27/04/2018 - 17h05 - Fonte: G1-MT

s estudantes da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) invadiram, nesta sexta-feira (27), blocos do campus Cuiabá em protesto contra a mudança na política de alimentação. De acordo com a instituição, os alunos com renda superior a R$ 1,4 mil passarão a pagar, a partir de março deste ano, o valor integral do vale-refeição.

Universitários penduraram faixa num dos blocos da UFMT (Foto: Divulgação)

Segundo a UFMT, os estudantes procuraram a reitoria e conversaram com superiores para tentar resolver o impasse.

Com a nova política, os estudantes que comprovarem renda de até 1,5 salário-mínimo terão acesso gratuito ao Restaurante Universitário.

Outros estudantes em situação de vulnerabilidade econômica terão parte do valor subsidiado pela instituição.

Os alunos com renda superior, no entanto, deverão pagar o valor cobrado sem o auxílio da UFMT.

Atualmente, os estudantes de todos os campi pagam R$ 0,25 pelo café da manhã e R$ 1 para almoço e jantar. Os valores seriam reajustados para R$ 5 o almoço e a janta e para R$ 2,50, o café da manhã.

Também contra o reajuste, os estudantes ocupam uma das guaritas da instituição. Nos outros campi, os universitários também protestam contra o aumento.

Comente através do facebook:
ENQUETE »
Em sua opinião estamos em um momento de crise financeira ou crise politica no Brasil?

FOTO NOTÍCIA
:: MT24Horas - Todos os direitos Reservados - Copyright 2018 ::