Bom dia, Sexta-Feira, 19 de Janeiro de 2018
SEGURANÇA PÚBLICA
Roubos e furtos de defensivos agrícolas reduzem quase 50% em Mato Grosso
O secretário de Estado de Segurança Pública, Gustavo Garcia, ressalta que o trabalho preventivo colaborou para o resultado positivo.
22/12/2017 - 17h12 - Fonte: Victor Cabral | Sesp-MT

 

O Terno de Cooperação Técnica firmado em fevereiro de 2017 entre a Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT) e a Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja) já apresenta bons resultados. O número de roubos (quando há violência ou ameaça) e furtos (sem violência ou ameaça) de defensivos agrícolas em Mato Grosso diminuiu este ano quando comparado a 2016. Ano passado foram registrados 142 casos e em 2017 foram 74, ou seja, 47,8% a menos.

Com o objetivo maior de identificar as organizações criminosas e também apontar e responsabilizar os receptadores de defensivos agrícolas, a Sesp e a Aprosoja criaram um canal de denúncias. “Através deste canal foi feita uma série de prisões. E isso, logicamente, reduz os índices de criminalidade”, destaca o coordenador da Comissão de Defesa Agrícola da Aprosoja, Lucas Beber.

O secretário de Estado de Segurança Pública, Gustavo Garcia, ressalta que o trabalho preventivo colaborou para o resultado positivo. Para o secretário, os trabalhos das polícias, tanto da Militar quanto Judiciária Civil, são realizados com a mesma intensidade, seja na área urbana ou rural.

Outro ponto destacado por Gustavo é a integração entre as forças de segurança pública e a iniciativa privada. Ele ainda diz que a melhor forma de enfrentar a criminalidade é por meio do compartilhamento de responsabilidade. “O resultado que temos no estado é fruto não só do trabalho e investimento, mas da integração entre órgãos estaduais e com a sociedade, isso é um programa de governo”.

Além da interação entre comunidade e órgãos da segurança pública, o termo de cooperação também trata da colaboração para soluções de monitoramento e rastreabilidade de produtos. A rastreabilidade via satélite e utilização de Veículos Aéreos Não Tripulados (VANTs) auxilia nas rondas. “É um equipamento de alta performance. Cobre áreas muito extensas e tem uma autonomia de oito horas de voo para poder subsidiar com informações de local e rastreabilidade”, explica Lucas Beber.

Gustavo ainda pontua que “o planejamento para o próximo ano é fortalecer a parceria com a sociedade civil, prefeituras, associações, sindicatos, conselhos de segurança e Ministério Público”.

Serviço

As denúncias de roubos e furtos de produtos agrícolas podem ser feitas pelo telefone (65) 99811-2033, exclusivamente via WhatsApp ou SMS. 

Comente através do facebook:
ENQUETE »

FOTO NOTÍCIA
:: MT24Horas - Todos os direitos Reservados - Copyright 2018 ::