Bom dia, Quarta-Feira, 08 de Julho de 2020
BALANÇO
Ações de segurança na fronteira já geraram quase R$ 40 milhões de prejuízo ao crime
As apreensões de drogas feitas pelo Gefron chegaram a 2,6 toneladas no primeiro quadrimestre deste ano
14/05/2020 - 12h07 - Fonte: Julia Oviedo | Sesp-MT

 

Com o fortalecimento de operações de segurança nas regiões de fronteira de Mato Grosso, a exemplo da Operação Vigia/Hórus, o Grupo Especial de Segurança na Fronteira (Gefron) fechou o primeiro quadrimestre gerando mais de R$ 39,9 milhões de prejuízo à criminalidade. São apreensões de entorpecentes, dinheiro, armas e veículos recuperados durante as ações.

Só para se ter uma ideia desse fortalecimento nas ações de combate à criminalidade, no mesmo período do ano passado, o prejuízo ao crime chegou a R$ 13 milhões, ou seja: quase R$ 27 milhões a menos. Outro destaque foram as apreensões de drogas, que de janeiro a abril de 2019 haviam sido registradas pouco mais de 1 tonelada e que no mesmo período deste ano chegaram a 2,6 toneladas.

Os veículos apreendidos ou recuperados passaram de 65 no primeiro quadrimestre de 2019 para 117 no mesmo período deste ano. Grande parte, tratam-se de veículos roubados nas mais variadas regiões do estado e que são vendidos na Bolívia. 

O Gefron tem conseguido recuperar grande parte destes veículos e a maior parte das vezes em ação conjunta com outras forças de segurança. Foi o caso de um veículo Dodge Ram roubado em Cáceres no último domingo (10.05). Com o auxílio da Rotam, os operadores de fronteira conseguiram recuperar o veículo no município de Porto Esperidião. 

Os suspeitos foram encaminhados para a Defron, outra parceira do Gefron nas ações de combate à criminalidade nas regiões de fronteira.

Neste primeiro quadrimestre também foram registradas um total de 118 ocorrências, contra 70 no mesmo período do ano passado, além de 136 pessoas encaminhadas e 17 prisões por mandado judicial. Já com relação às apreensões, duas aeronaves, seis armas e 34 munições foram apreendidas, além de pouco mais de R$ 32 mil em moeda estrangeira e R$ 99,6 mil em moeda nacional apreendidos.

“O Gefron teve um aumento considerável na produtividade em um comparativo com o mesmo período do ano passado, com destaque para o crescimento do prejuízo ao crime. Isso se deve não só a atuação dos nosso valorosos operadores de fronteira, mas ao fortalecimento das operações de segurança nas áreas de fronteira e a atuação em conjunto com as outras forças de segurança”, destacou o comandante do Gefron, tenente-coronel PM Fábio Ricas.

Comente através do facebook:
ENQUETE »
VOCÊ CONCORDA COM O ISOLAMENTO SOCIAL DURANTE A PANDEMIA DO COVID-19? l

FOTO NOTÍCIA
:: MT24Horas - Todos os direitos Reservados - Copyright 2020 ::