Bom dia, Segunda-Feira, 11 de Dezembro de 2017
POLICIA MILITAR
Projetos sociais continuam mesmo após incêndio de micro-ônibus
Veículo queimado na semana passada no Pedra 90, marca Marcopolo – W9 Volare, ano 2012, tem seguro
28/11/2017 - 10h40 - Fonte: Sesp-MT

Os projetos sociais “Só Alegria” e “PM Mirim”, apoiados pelo 1º Comando Regional, por meio do 24º Batalhão da Polícia Militar, não serão prejudicados pelo incêndio do micro-ônibus, ocorrido na semana passada. O veículo que pertence a frota da corporação é responsável pelo deslocamento das crianças e adolescentes dos bairros Pedra 90 e São João Del Rei, durante as atividades esportivas e recreativas, na região.

O veículo está segurado e foi aberta sindicância para apurar o incêndio, que será anexada junto à apólice do veículo, para os tramites burocráticos.

O comandante da Base Comunitária do Pedra 90, tenente-coronel Anderson Luiz da Silva, comenta que ficou sensibilizado com as crianças e adolescentes, quando elas se depararam com o ônibus queimado.

“Muitos choraram e ficaram tristes. O ato criminoso e sem justificativa prejudica centenas de crianças e adolescentes que participam dos projetos. O micro-ônibus é o único transporte para levar e buscar nas atividades. Estava estacionado ao lado da Companhia da PM, porque tinha agenda para levar os alunos, logo cedo. Foi desesperador vê-lo todo queimado e sem nenhuma condição de uso”.

O responsável pela coordenação do projeto junto a Policia Militar, soldado PM Maurício Santino de Lima Filho, destaca que as atividades do projeto terminam no dia 15 de dezembro e voltam no ano que vem. Ele acrescenta que mesmo sem a locomoção os dois projetos seguem a programação já estabelecida.

 “Foi um choque para todos. Mas continuamos com as atividades normalmente. Nesta segunda-feira (27.11), estava programado levar as crianças para fazer exames oftalmológicos, mas graças a sensibilidade da diretoria da empresa, eles foram até a base comunitária do bairro realizar os exames. Vamos encontrando formas para adaptar a falta que faz o micro-ônibus”, disse.

Atualmente 200 crianças e adolescentes de 09 a 17 anos, em situação de vulnerabilidade ou risco social, são atendidas pelos projetos. Durante o ano os alunos participam de várias atividades como futebol, vôlei, basquete, natação, atletismo, ordem unida, disciplina militar e palestras educativas sobre temas atuais.

Comente através do facebook:
ENQUETE »

FOTO NOTÍCIA
:: MT24Horas - Todos os direitos Reservados - Copyright 2017 ::