Bom dia, Quarta-Feira, 16 de Outubro de 2019
ECONOMIA
Entidades cobram da bancada federal ações para empresa duplicar BR-163 de Sinop ao Posto Gil
“No meu pensamento, o caos que está acontecendo e a morosidade que isto leva (a concessão), acho que seria a melhor decisão (prorrogação) e pelos números de acidentes que vem ocorrendo. A 163 já é chamada de rodovia da morte, isso não é bom, isso não é se
18/09/2019 - 15h59 - Fonte: David Murba

Os presidentes das Câmaras de Dirigentes Lojistas de Sinop e Sorriso reivindicaram, em Brasília, dos deputados e senadores mato-grossenses empenho para cobrar da concessionária que administra a rodovia faça obras de duplicação de Sinop até o Posto Gil – extensão aproximada de 250 km – onde trafegam diariamente milhares de carretas, caminhões e veículos e há índice alto de acidentes inclusive com mortes  – o mais recente foi há 10 dias. “Protocolamos com toda bancada mato-grossense esse pedido. Tivemos duas informações. O deputado Neri (Geller), coordenador da bancada, disse que pode haver uma prorrogação (do contrato para continuar gerindo a rodovia) com a Rota do Oeste mesmo para que comece as obras em caráter imediato”, disse o presidente da CDL Sinop.  “Tem essa possibilidade de acordo para semana que vem. Se houve a prorrogação, dentro de 30 dias deve haver esse fechamento (renovação da concessão). Está bem adiantada a conversa para começar a duplicação. O trecho mais fácil é de Sinop ao Posto Gil por não ter (grande) quantidade de pontes”, acrescentou em entrevista ao Só Notícias.

divulgação

“No meu pensamento, o caos que está acontecendo e a morosidade que isto leva (a concessão), acho que seria a melhor decisão (prorrogação) e pelos números de acidentes que vem ocorrendo. A 163 já é chamada de rodovia da morte, isso não é bom, isso não é seguro. Temos necessidade desse avanço para a questão da escoamento de grãos do nosso Estado”, emendou.

No documento entregue aos parlamentares, as CDLs de Sinop e Sorriso expõem que “esta duplicação deveria iniciar em Cuiabá, seguindo para o Norte, pelo menos, até Sinop. Ela já estava programada para acontecer em março de 2014, quando a BR foi repassada para a concessionaria Rota do Oeste. As praças de pedágios foram construídas e a arrecadação iniciou com força total, a manutenção inicial foi realizada com sucesso, 5 anos depois a arrecadação continua mas, o ritmo das obras caiu quase a zero e a duplicação, tão necessária, não veio”.  Eles conclamaram os parlamentares para que lutem “pela duplicação para que ela inicie ainda este ano de 2019, trazendo de volta a esperança de caminhos seguros para toda nossa população”

No Nortão os únicos trechos duplicados são nos perímetros urbanos de Sinop, Sorriso, Lucas do Rio Verde e Nova Mutum. Até agora, a concessionária duplicou 117,6 quilômetros na região Sul do Estado.

A CDL Sinop também reforçou a cobrança feita, no começo do mês, pela prefeitura Rosana Martinelli para a diretoria da concessionária para  implantação urgente de rotatórias na 163 de acesso às avenidas dos Jequitibás, dos Pinheiros e das Palmeiras, semelhantes a da avenida dos Tarumãs, além da retirada das muretas de contenção do viaduto com acesso a Júlio Campos e implantação de uma passarela tubular para passagem de ciclista e pedestres. Se a demanda for atendida o Executivo propõe-se apoiar a execução através de convênio.

Comente através do facebook:
ENQUETE »
VOCÊ É A FAVOR DA REFORMA DA PREVIDÊNCIA?

FOTO NOTÍCIA
:: MT24Horas - Todos os direitos Reservados - Copyright 2019 ::