Bom dia, Terça-Feira, 19 de Setembro de 2017
INSEGURANÇA
Ônibus abandonado incomoda moradores e empresários do Jardim Jacarandás
Há mais de cinco anos a carcaça do veículo tem servido de criadouro do mosquito Aedes Aegypti, abrigo para moradores de rua e até esconderijo para objetos furtados
08/06/2017 - 14h36 - Fonte: Assessoria da Prefeitura

 

A carcaça de um ônibus rodoviário que está abandonado na Rua das Samambaias, próximo à Avenida dos Flamboyants e ao Estádio Municipal Massami Uriú – Gigante do Norte, no Jardim Jacarandás, tem incomodado empresários e moradores da região.

"Esse ônibus está aí há mais de cinco anos! A 'malandragem' acabava usando o ônibus para consumir drogas e, além disso, ainda roubavam as empresas aqui por perto", disse o funileiro Nilton Costa, mais conhecido como "sassá", que há 13 anos possui uma empresa em frente de onde este ônibus foi deixado.

Com a sensação de insegurança na região, outro empresário das proximidades protocolou um ofício junto ao Ministério Público Estadual (MPE), no ano de 2014, solicitando a retirada deste veículo, porém nenhuma providência foi tomada. Conforme aponta o ofício que pode ser acessada ao final desta reportagem, além de ser utilizado para o consumo de entorpecentes, este ônibus servia de criadouro do mosquito Aedes Aegypti, abrigo para moradores de rua e até esconderijo para objetos furtados.

Ainda segundo este empresário, a Secretaria Municipal de Trânsito também chegou a ser procurada, porém o alegaram que, como o veículo estava "bem estacionado" e que não atrapalhava o fluxo do trânsito, nada poderia ser feito para a retirada.

Um dos agravantes da situação é que este ônibus pertence a uma empresa de transportes que entrou em falência a alguns anos. Esta empresa, inclusive, ficava ao lado de onde o veículo ficou abandonado. Ainda que de forma extraoficial, as informações que chegam é de que o veículo está empenhorado na Justiça, diante de uma dívida deixada pela empresa com o não pagamento de funcionários.

Além de todos os problemas apontados, a carcaça desse ônibus impede o escoamento da água da chuva e chegou a danificar o asfalto da rua ao ser arrastado de um lado para outro. "Esse ônibus está 'debulhando tudo' o asfalto. Esse asfalto não foi a Prefeitura que fez, fomos nós que pagamos", reclamou Nilton.

Com o objetivo de solucionar o problema, o vereador Ícaro Francio Severo (PSDB) apresentou a indicação nº 339/2017, solicitando a retirada desse veículo o mais rápido possível. A indicação foi encaminhada à prefeita Rosana Martinelli (PR) e aos secretários Mauro Garcia (Trânsito), Luciane Bertinatto (Meio Ambiente) e Marcelo Klement (Saúde).

Comente através do facebook:
ENQUETE »
Você é favorável a pena de morte?

FOTO NOTÍCIA
:: MT24Horas - Todos os direitos Reservados - Copyright 2017 ::